Infância 2.0: como o Facebook afeta os processos de socialização infantil

Tomás Albrecht

Abstract


Este artigo levanta alguns pontos acerca da maneira a qual o site de rede social Facebook influencia o processo de socialização infantil. Para isso, são trazidos alguns referenciais teóricos sobre a construção social da infância, o processo de socialização e os sites de redes sociais. Os resultados, obtidos através de um grupo focal, mostram que as crianças vivem num ambiente ubíquo de comunicação. Elas utilziam o site constantemente, sempre em busca da manutenção da conversa com seus pares. As crianças têm noção dos comportamentos que seus amigos, de forma que o site serve como uma espécie de vitrine para a construção de uma reputação perante ao seu grupo de influência. O Facebook, portanto, torna-se uma ferramenta que intensifica a relação das crianças com os agentes de socialização, em especial, com os seus amigos.

Full Text:

PDF

Refbacks

  • There are currently no refbacks.